Quando o Design Exclui o Outro: Dispositivos espaciais de segregação e suas manifestações em João Pessoa-PB

Por Patrícia Alonso de Andrade, Arquiteta e urbanista, mestre, professora assistente do Departamento de Arquitetura da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e professora adjunta do Curso de Arquitetura e Urbanismo do Centro Universitário de João Pessoa (UNIPÊ).

O trabalho tenciona expor as questões que envolvem arquitetura, design e segurança, quando estes se unem deliberadamente com o objetivo de inibir os contatos dos indivíduos com “o outro” no ambiente urbano. O design à prova de vândalos e os dispositivos “antimendigo”, assim como a arquitetura fortificada dos condomínios residenciais fechados e shopping centers, dizem mais respeito ao grau de isolamento em relação a grupos e sujeitos indesejáveis, do que à proteção pessoal ou patrimonial dos cidadãos. Nesse processo, barreiras urbanas e arquitetônicas, mobiliário, detalhes e sinais de exclusão vão tolhendo as expressões corporais, os comportamentos e as interações das pessoas entre si e com a cidade, que vai se tornando cada vez mais hostil frente a seus usuários. Os padrões e artefatos espaciais de isolamento não ocorrem inadvertidamente: são uma estratégia projetual deliberada para a segregação socioespacial, que conta com o interesse e incentivo do mercado imobiliário, com a aprovação da parcela da sociedade que os consome e deseja, com a cumplicidade do Poder Público, que não só os permite como, em certos casos, os implementa, e com a participação ativa dos arquitetos, urbanistas e designers, que os projetam. Sob a ótica da ética e das reais funções da arquitetura e do design, é preciso refletir sobre as perspectivas que se delineiam para a cidade a partir desse processo de exclusão planejada. Seus efeitos negativos sobre a paisagem e dinâmica urbanas podem colocar em xeque o espaço público enquanto espaço de vivência em meio à diferença.

Artigo apresentado no Nutau 2010 e publicado na revista eletrônica Vitruvius ( http://www.vitruvius.com.br/revistas/read/arquitextos/12.134/3973 ).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s